Motos KTM são confiáveis ? Motores BIG V ….

Se você, como eu, já sonhou em ter uma grande moto KTM, saiba que são realmente grandes motores. São motores famintos por FUEL e pilotagem arrojada.

Desde as 950, criadas para uma edição do Rallye Paris-Dakar, a qual saiu campeã, o mundo passou a olhar para aquela estranha e poderosa máquina. Aí, vieram as 990, ainda melhores (mas, não perfeitas). Depois, com mais unidades, 1190 e 1290 (atual).

Uma 950 já está relativamente velha. As 990 vão indo para o mesmo caminho. Em nossa oficina já recebemos algumas, e sempre estão OU mal tratadas, OU abusadas ou com problemas de alguma espécie. São projetos complicados, e com soluções nada convencionais. O resultado em performance de ação (?) é impressionante. Raramente há piloto para tanta moto. Muitos dizem das maravilhas das 950, carburadas … e se entende porque …. as 990 sofrem com bomba de gasolina, conjunto injetor (TPS, etc …) … porém, as 990, ainda mais as 2009/10 em diante, são mais fortes e potentes.

Mais novas, as 1090 são a sofisticação das 990, eliminando o tanque duplo. Maior refrigeração e muito mais poder (150 cv). Como são novas e caras, estão em ótimo estado e baixa km. Custando a partir de 55 mil reais as T (modelo roda raiada 19/17), a S (rodas de liga 19/17) e as Adv R (21/19) por 70/75 mil reais. As 1290 como não são mais importadas pela marca, se tornaram raridades na casa de 100 mil reais.

Não. KTM não é só bolso. É estilo. É gosto. Eu mesmo, não dei conta. O bolso pesa e o prazer não é o mesmo de uma BMW. Talvez por ter 1,73 m de altura, ou por não ser piloto de rallye ou então, ser menos “raiz” … importa testar e ver o que lhe agrada.

Aqui, em nosso BLOG, você poderá saber um pouco mais de nossa experiência com as motos que reparamos/revisamos. Sempre do ponto de vista de um mecânico/empresário e de um piloto/proprietário de motos.

Prazer, eu me chamo Zepe Bikerman.